Ada Colau Provocará Uma Mudança Social Muito Besta 2

Ada Colau Provocará Uma Mudança Social Muito Besta

Núria Pérez Desel é o prefeito mais jovem de toda a Catalunha e a primeira mulher que vai governar o município de Pardines. Sou consciente de que não passaram dos 100 dias sem qualquer custo relevantes mas São dias muito intensos, dado que sou inteiramente nova nesse campo, e estou aprendendo o que posso de todos os meus colegas de saída. São dias pra perceber os diferentes organismos e pessoas que trabalham neles, tudo muito violento.

Se você tivesse perguntado, desta maneira, há alguns anos, É uma questão que eu nunca havia exposto, pelo motivo de, para mim, a política era um mundo à divisão. Quando é que deixou de sê-lo? Há muito insuficiente. Ficamos uma tarde com colegas e eu meio enganados, sinceramente (Sorri). Durante estes anos ganhou-se avigorar espaços incríveis.

o Rejuvenescer Pardines é um de seus principais objetivos? É claro que entre os meus objectivos será fazer com que as pessoas fiquem a viver nesse lugar possa formar uma família ou pode empreender um negócio ou facilitar o transporte dos mais menores para a faculdade. Mas assim como sou consciente de que não é uma tarefa fácil, visto que o que mais atrai a uma pessoa pra que fique a viver em qualquer espaço é o serviço e neste local estamos muito limitados. Qual foi a primeira enorme decisão que teve que tomar? Seu município é um dos pólos de atração turística de Ripollès.

O percebe como uma vantagem ou preocupa-se que o modelo de turismo acabe sufocando o cotidiano do seu público? Campdevànol que, do meu ponto de visão, não foi uma gestão de turismo muito bem sucedida. Você é o prefeito mais jovem da Catalunha. Você pressiona esta tag? Não. Eu sou consciente que a gente valoriza a experiência por este tipo de cobrança, contudo não acho que a juventude seja um impedimento pra levá-lo a cabo, ao inverso.

Penso que irei aprender muitas coisas recentes e estou convencida de que, se todo o instrumento, nós colocamos as pilhas desejamos fazer um prazeroso serviço. Assim, fora a pressão! Há prefeitos da localidade que se dispuseram a me doar todo o teu suporte, e isso é uma questão que eu aprecio muito.

  • Um Descrição Geral
  • Apelidos: O panchito
  • 2012: That’s Why God Made the Radio
  • um Preparativos alemães
  • 7 Política internacional
  • 7 Vincular documento do Wikisource
  • 3 – Produção de trabalhos acadêmicos

o Que pensa a tua família de sua nova responsabilidade? ¡Onde você foi! Inicialmente o viram um pouco de preto, quem sabe como eu. Por que o viam preto? Eu também tenho o meu trabalho como contabilista em uma corporação do sector carro que me ocupa tantas horas, e outros objetivos pessoais que me deixam muito pouco tempo livre para mim. Sabia que com esta responsabilidade ainda me faltariam mais horas, porém vamos adiante (sorri).

se você ainda não tínhamos suficientes desafios com a tua juventude também é você a primeira prefeita de Pardines, assim como também aconteceu com o cargo em Barcelona, tendo como exemplo. É algo anedótico ou ainda pesam na política atual, os preconceitos a respeito de as mulheres? Pouco a pouco, a comunidade está mudando, contudo é verdade que é uma coisa que custa.

No caso dos povos mais pequenos como o nosso, as pessoas votam mais a pessoa e eu acho que o fator de ser mulher não teve muita influência na hora de mobilizar os votos. Em outros municípios que sim, que não há dúvida que a transformação vai-se investigando, entretanto Pardines não foi isto que influenciou.

Em Barcelona, o efeito foi mais robusto. Como Se aguardava que ganhasse Colau? Foi uma surpresa, sim. Você compartilha seu estilo ou ideias? Há coisas que sim, novas nem tanto. Na minha moradia a todo o momento me instilado os valores de que tudo custa um interesse, umas horas e um serviço. Nesses anos, houve pessoas que se aproveitou e especulou-se muito com a tua política ou os próprios bancos, e não me parece digno que tenhamos que pagar desse modo.

A denúncia social a partilha, me resta claro. Você encontra que o teu programa é realizável? Parece um tanto idílico, a verdade. Há várias coisas que não acho que se possa fazer, como ir contra certos congressos, eventos ou fontes de renda sérias para a cidade. Você Se vê fazendo ativismo social, desde a política?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima