Como Fazer Sucesso Com Uma Ideia Inovadora 2

Como Fazer Sucesso Com Uma Ideia Inovadora

Costumamos imaginar que o item central de um agradável negócio é descrever com uma ideia inovadora: múltiplos exemplos, do Google ao Facebook, levam-nos a meditar que ter um artefato contrário é o que gera uma organização de sucesso. Mas, as ideias inovadoras conseguem ser bem como uma armadilha que nos levem a embarcar em viagens demasiado arriscadas.

Por isso, oferece João Roure, professor de empreendedorismo do IESE, o primeiro passo deve ser o de diferenciar entre o que é uma boa idéia e o que é uma chance de negócio, o que não é sempre que coincide. Em segundo local, temos de ter em conta que empreender não tem limitações. Uma legal ideia, diz Jordi Vinaixa, diretor acadêmico do Instituto de iniciativa empreendedora da ESADE, deve olhar tanto com a identificação de uma indispensabilidade, como, com que alguém esteja disposto a pagar pela solução que lhe oferecemos.

Dessa forma, a pergunta que devemos fazer pela hora de iniciar um negócio é se realmente temos uma proposição de valor que dê resposta a cada inevitabilidade de nossos futuros compradores. Quanto aos recursos para pôr em prática essa empresa, o normal, indica Roure, é que recorramos às 3 efes, Friends, Family, and Fools (“amigos, família e amigos, e sorrateiramente”) que tendem a ser a referência de financiamento primeira. Empreender não tem limites, todavia sim riscos, Mas há algumas maneiras de adquirir que as empresas iniciem a tua carreira com o pé.

  • BART: Pai, é com Lisa com quem não se fala
  • Capítulo 3×216 (695) – “Relações Liberais”
  • Posso empreender uma franquia em meu respectivo lugar
  • Negócios são negócios – 2004 – Jope de Bernardi Exibe
  • 2 Juan de Zumárraga

Para Roure, uma das chaves para fazer com que o negócio funcione acertadamente vai e também desenhar um prazeroso abordagem em diferentes linhas gerais, há que saber executá-los no dia a dia. Assim, diz que “a estratégia da equipe é a mais crítica de todas, por causa de é o instrumento que lhe fornece a técnica de criar-se e implementar o negócio”.

Pros casos em que a organização significa, antes de tudo, ter um negócio respectivo, “o empreendedor necessita ser honesto consigo mesmo e saber seus pontos fortes e fracos para saber complementar adequadamente, o interno e o externo”. Se, pelo oposto, falamos de uma empresa de alto progresso, a característica fundamental do empreendedor “consiste em saber criar instrumentos, mesmo dizendo o projeto a nível de posse, com as pessoas chaves”. Se todo o procedimento foi concluído com êxito, o dinheiro chegará sem dificuldades, admite Roure.

Roure aconselha a achar o negócio por fases, de maneira que primeiro se possa contrastar a idéia. Assim será menos difícil de encontrar capital, durante o tempo que se vai construindo importancia, ao examinar que o modelo de negócio funcionar. Além disso, há outra vantagem de destinar-se por fases, como é não superdimensionar a organização. Para Roure, o empreendedor deve estar consciente de que “levantar dinheiro é uma atividade prácpermanente para cada organização que necessite amadurecer”. Nessa tarefa, são fundamentais os sócios, os quais não apenas se deve procurar que fornecem capital.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima