De Empresários Para Ajudar Os Outros A Realizar Seus Inventos 2

De Empresários Para Ajudar Os Outros A Realizar Seus Inventos

De empresários a se tornarem cumpridores de ideias. A história de Ningenia passa pelo desejo de superação de seus três sócios: Roberto Garcia, David Suarez e José Ángel Arjona. Após diversas conversas em torno de um café, resolveram embarcar nesta aventura, deixaram seus empregos e abordaram a promoção de seu sonho pessoal que hoje é uma realidade.

Ningenia é uma empresa de engenharia sevilhana que inicialmente surgiu com uma idéia clara do negócio. “Damos resposta a todo o espectro de necessidades, que conseguem ter as indústrias com relação à automação, desde menores programas de PLC, até o projeto completo de linhas de realização automática”, explica Garcia.

da mão-de-nesta linha, surgiu a chance de acrescentar seu portfólio de serviços, de tal forma, que a companhia fornece serviços de otimização da realização. “Calculamos, cuantificamos e definimos as ações de melhoria, que será o acrescentamento da eficiência, evitando gargalos, reduzindo os tempos de fabricação e definindo os tempos de postos de trabalho necessários”, abunda Roberto Garcia. “Nesta linha, contamos com a inestimável auxílio de Mercedes Garcia, professora da Escola de Engenheiros de Sevilha, que foi minha professora e tutora do meu projeto de término de carreira.

Sem ela não poderíamos ter pensado em lançar esta atividade tão complementar à automação”, reconhece o empresário. A organização, localizada no edifício CRIA, próximo a vários outros empreendedores, advertiu uma nova chance de negócio no recinto de novos criadores. “Nós detectamos um serviço que não está resolvido, o de engenharia em pequena escala”, diz.

  • Anton Calabrês. (O Calabria?)
  • Quem são seus concorrentes e como você poderá se diferenciar deles
  • Por que não probáis novos gêneros musicais mais de acordo com as modas de sem demora
  • Martín de Lucio. Santa Maria de Anchitua
  • 4 Links quebrados
  • um Classificação 2.1.1 Fases pictóricas 2.1.1.Um Fase inicial

“Muitas pequenas empresas têm uma ideia, no entanto não têm a técnica técnica para o seu desenvolvimento e industrialização”, sinaliza. A empresa conta como principal consumidor com a antiga organização em que seus três sócios trabalhavam, Hidral, como esta de com novas empresas dedicadas à fabricação de modificações pra camiões industriais ou instalações de parques naturais. Ademais, colaboram com o Clube de Empresários Espanhóis, que entre em contato com eles para o desenvolvimento de protótipos de novos empreendedores, ultimamente do sector da segurança infantil e de eletrodomésticos. A companhia espera triplicar o seu faturamento no decorrer de 2016, apesar de que “a Andaluzia tem um tecido industrial mais nutrido”, reconhece Roberto Garcia. 1. Por que vão dobrar as tiras ‘made in’ Catalunha? 3. A Feira estreia o sol, e mata a sede de festividade.

Tenho cometido erros, no entanto tenho a sensação de ter conseguido várias coisas. Como podemos adquirir pessoas criativas e inovadoras que se observe continuamente o sucesso e o fracasso? Há uma etapa da vida em que as corporações devem ter um grau permanente de tentativa e defeito. Você necessita estar todo o dia aprendendo, provando, isso sim, sendo apto de desenvolver um contexto de negócios em persistência de cometer erros. É expor, da escolha de experimentar coisas sabendo que, em caso de não funcionar, você tem um padrão de gestão que seja apto de suportá-lo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima