"Há Muito tempo Que A Aprendizagem Informal É Mais Importante Do Que O Formal" 2

“Há Muito tempo Que A Aprendizagem Informal É Mais Importante Do Que O Formal”

Isto não entra em exame, D. João Francisco nos permite, por um lado, adquirir ideias sobre o assunto como aproximar-se a aprendizagem baseada em dificuldades de Matemática pra alunos/as do ensino médio. Este site contém exemplos de quebra-cabeças e desafios matemáticos que favorecem a reflexão dos educandos, do mesmo jeito que a tua técnica como pesquisadores. Este docente tem conseguido uma melhoria da conduta dos alunos pra disciplinas como matemática e física através da aplicação de um aprendizado cooperativo.

A exibição de tuas aulas, tal como os diferentes conteúdos que desejamos comprar em seus blogs, levam-nos a idealizar a trajetória que você espera da educação do futuro. Eu Sou o Seu Professor – Você Poderia pudéssemos prever como será a educação do futuro, com as algumas tecnologias? João Francisco -Atualmente, a educação se apóia ainda mais em 3 pilares: móvel, filme e redes sociais. Para mim, são vãos e destinar-se os esforços para impossibilitar a introdução do telemóvel pela sala de aula. Em consequência a ele, os alunos conseguem estudar o que querem, como querem e onde querem.

Por outro lado, ainda mais os nossos alunos/as adquirem os conteúdos em plataformas como o YouTube. Isto implica, evidentemente, que o nosso serviço como professores mudou. Sim, mudou, não tem que alterar, uma vez que agora nos encontramos em um novo paradigma educacional. E, apesar de não está intrinsecamente conectado às outras tecnologias, não tenho dúvida que é solicitado aos professores que dominem o inglês e que possam transmitir suas aulas neste idioma. “Nosso trabalho como professores mudou. YSTP. – O que você tem feito o website educativo pessoal como docente? J. F. – Principalmente, não deixe que eu me acomode e representou uma libertação.

  1. 2 Alteração da ocorrência
  2. Alcance: âmbito de aplicação
  3. Exclusão por potência de territórios e seus recursos associados
  4. Certifique-se de que todos os hiperlinks funcionam
  5. Utilitário: ajudam os fins institucionais e a gestão da IDENTIDADE

Há muito para enxergar e criar este artigo por fim, não entre em exame. Este site nasceu da cooperação com um ex-aluno e imediatamente camarada, Pablo Arteaga, o que lhe propus, quando estava em 4º a Isso, montar um blog com essa idéia. Ele se encarregou de fazê-lo e, ao mesmo tempo, me guiando por causa de seus conselhos, surgiu Isso não vem para o check-up.

Não é apenas isso, mais tarde nasceu a outro site, Isso sim entra em check-up, onde subo tanto os vídeos como objeto distinto que facilita aplicar a metodologia flipped. E, logo depois, veio a app como resposta à demanda dos alunos/as que estavam a enxergar os filmes facilmente em seus móveis. O blog, como dizem meus alunos, “Nos fez curiosos”. YSTP. – Como podes afectar a aprendizagem desse tipo de ferramentas?

J. F. – O termo ferramenta é usada para retratar cada utensílio ou aplicativo que facilite a realização de uma atividade qualquer. E isto é o que ocorre assim como no universo da educação: facilitam o aprendizado e simplificar nosso trabalho como professores. E, da mesma forma que exigimos que um médico, por mencionar um dos muitos exemplos, use as melhores de sempre ferramentas em teu funcionamento, nós assim como somos chamados a desenvolvernos com estas ferramentas digitais. YSTP. – Você acha que a aprendizagem informal atinge um superior protagonismo no futuro? J. F. – Faz tempo que a aprendizagem informal é mais considerável do que o formal.

No ano de 2014, ao longo dos fins-de-semana, com Paulo e Jorge fiz um robô (bom eles o fizeram). Paulo se encarregava de as linhas de programação que controlava o robô (5040 linhas) e Jorge da eletrônica do mesmo. Um dia perguntei a Paulo: Quantos linguagens de programação dominas? Sua resposta me deixou estarrecido, nove, mas mais ainda ao saber que tinha aprendido no YouTube.

O mais curioso é que com o Jorge, ocorre o mesmo. Quase tudo o que eu sabia de eletrônica o aprendeu, de maneira autodidata na internet. A aprendizagem informal de nossos alunos/as tem mais protagonismo e é mais importante do que o formal. YSTP. – O servem as redes sociais como instrumento de interação e diálogo com os alunos/as? Atualmente, qual é a que melhor tem êxito? J. F. – Depende. Não tenho dúvida que o Twitter serve, e muito.

Cigales ou este ano a que são armado ele, @teachermsisabel, @virgicapil, e @vialap69, elaborando os quadrinhos com seus alunos e, colocando-a pela mesma rede. E há muitos exemplos mais. YSTP. – Como define a metodologia de ensino que práticas? J. F. – Curiosamente cheguei a Flipped classroom, sem saber que o que estava fazendo correspondia a este procedimento. Desta forma, a minha extenso aflição no dia de hoje, e o que me leva mais tempo é pontualmente preparar as atividades cooperativas e não a elaboração dos filmes. A elaboração de videos é considerável, porém mais ainda o que ocorre dentro da sala de aula!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima