Os Gatos Se Curam A Si Mesmos Com O Ronronar 2

Os Gatos Se Curam A Si Mesmos Com O Ronronar

Os gatos se comunicam com seus amigos humanos usando mia, trinados, murmúrios, bufidos e rugidos. Mas assim como o saboroso ronronar. As pessoas pensamos que esse som hipnótico é uma expressão de seu bem-estar, membro ao prazer e a satisfação. Mas não o dês por fato visto que o certo é que utilizam esse som em muitos outros momentos, com o que tornou-se um mistério para a ciência. Pode ser que se trate só de uma forma de acalmar a si mesmos, ao igual que as criancinhas se chupam o dedo. Mas novas pesquisas sugerem privilégios adicionais resultantes deste som. Tendo como exemplo, os gatos assim como o fazem em momentos de mais estresse ou medo.

Costumam aparecer quando vão ao veterinário ou estão se recuperando de uma lesão. Também usam muito quando as fêmeas cuidam de seus filhotes, ou quando os humanos interaccionamos com eles, essencialmente no momento em que se nós estimamos ou alimentamos. Os gatos e diversos outros felinos, entretanto não todos, produzem o ronronar por intermédio de sinais intermitentes, usando os músculos laringeos e do diafragma, tal no momento em que inalados, como no momento em que exalam. A frequência típica dos gatos está entre os 25 e 150 hertz.

Outros gatos emitem alguns sons muito semelhantes ao ronronar do gato doméstico. Os servales, jaguatiricas e pumas assim como o fazem e usam fortes frequências entre 25-cinquenta Hz. No decorrer do curso da melhoria, ronronar foi devido fornecer qualquer tipo de vantagem adaptativa para os gatos. Mas, o que possível privilégio começa a partir desse característico som? Dado que aparece em contextos sociais, sua função comunicativa é evidente, contudo há mais funções que são compatíveis com o anterior.

De forma impressionante, essas frequências emitidas pelos felinos, correspondem com as que se usam em alguns tratamentos com humanos pra curar fraturas, problemas pela respiração, alívio da agonia, etc., Concretamente é muito usado como terapia contra a osteoporose em humanos. Segundo muitas lendas, os gatos conseguem curar a si mesmo se você deixá-los em um quarto sozinho, com seus ossos quebrados.

  1. Kits Completos
  2. 4 Como tomar conta das orelhas, os olhos e a boca do gato
  3. esporte
  4. “Cavalier King Charles Spaniels”. Blenheim Company. [6]. Retrieved 2009-11-15
  5. 6 Onde posso visualizar todas as raças
  6. quatro Aproximação de liberdade prática
  7. um Descrição 1.1 Aparência
  8. Pilrito-canelo, Tryngites subruficollis (quase pressionada)

você Terá esse mito alguma ligação com este som que tal lhes caracteriza? Devemos ter em mente que os felinos são animais que devem economizar o máximo de energia possível, visto que passam vários dias de inatividade, dada o problema de agarrar uma presa com o que se alimentar. Segundo o veterinário, Leslie A. Lyons, o ronronar podes ser um aparelho que consome pouca energia, todavia que tem as mesmas conseqüências que fazer exercício físico para os astronautas, os quais sabemos que perdem muito rapidamente a massa óssea. Isto é, esses sons tão particulares, de acordo com muitos pesquisadores, são benéficos para a saúde, já que aumentam a densidade óssea e acelerando os processos de cura.

Mas, para saber se estas vibrações são realmente eficazes, o Doutor Clinton Rubin e tua equipe especializada em bioengenharia, os quais estudam métodos não invasivos para curar doenças, puseram a terapia com vibrações a galinhas durante meia hora em cada dia. Lhes colocava sobre isto uma plataforma como a que se usa em alguns ginásios, a qual vibrava freneticamente. Os resultados demonstraram um claro aumento de massa óssea em galinhas após poucas semanas. É como se tivessem ido ao ginásio todas elas. Isso explicaria por que os gatos são capazes de sobreviver a acidentes tão graves como as quedas e têm menos complicações depois da cirurgia?

Muitos veterinários acreditam que sim. Um estudo publicado no Journal of New Zealand Veterinary nos anos setenta por Trevor Cook, documentou um caso a respeito de um gato siamês com infecção no trato respiratório e conjuntivite rígida. As cavidades nasais estavam quase bloqueadas por completo. Se lhe administraram inmensuráveis antibióticos e se bem que houvesse uma resposta inicial positiva, os três dia, voltou mais deteriorado.

Se lhe seguiu administrando antibióticos e foi hospitalizado. Mas em insuficiente tempo piorou e ele estava mais fraco, deste modo que se começou a embaralhar a promessa da eutanásia. Cook lhe mudou-se pra cama e tuas filhas deveriam cuidar dele durante um agradável tempo até que chegasse o infeliz término. Não havia nada mais que pudesse fazer. Mas de repente começou a ronronar e abriu as vias respiratórias, dessa maneira que Cook decidiu dar-lhe uma oportunidade. A terapia de ronronar se alargou durante um dia. A Cada hora, era expulso de tua gaiola e o deixavam períodos pra que ele pudesse ” vibrar “.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima