"Para Alcançar Uma Base De Usuários Na Rede, Só Fazem Falta Os Conhecimentos" 2

“Para Alcançar Uma Base De Usuários Na Rede, Só Fazem Falta Os Conhecimentos”

“Acho que sorte é no momento em que a preparação e oportunidade se acham”, reitera Raúl Yánez, um jovem empresário de 27 anos, que se tornou uma fonte no mundo do marketing online em nosso nação. Efetivamente, a história deste empreendedor digital é alguma coisa relacionada com a sorte, contudo também com as ideias e o serviço duro.

Yánez sempre conta que tua história começou com uma herança que ganhou de seus avós e que se multiplicou ao invest em ações do Google. Depois vieram os suspensos no ensino médio e uma estadia de cerca de um ano, em Montreal, com o dinheiro que conseguiu ao vender, experiência que confessa lhe permitiu voltar para moradia com uma concepção de vida contrário: queria ser empresário.

“Quando parecia que em mídias sociais estava tudo dito com o MySpace, chegou Facebook. A pergunta. Como é que é possível adquirir o máximo de conquistas sendo tão jovem? Por que você acha que não é comum encontrar empresários de tua idade? Resposta. Para mim, é uma das chaves foi deixar a faculdade e acelerar todo o processo.

Meus colegas e amigos de classe se puseram a trabalhar com 22 ou vinte e três anos. No conclusão, quando você entra numa empresa, ninguém domina o que você estudou, só importa o trabalho que fazes e o consequência que você tiver. Eu eu mostrei que podia fazer ganhar muito dinheiro pra uma empresa. A diferença com conexão aos outros é que eu posso encaminhar-se a um web site e relatar “contrátame e em x tempo te farei vencer isto.”

Isso é uma coisa que um moço no momento em que sai da instituição leva 3 ou quatro anos em captar: que o seu posto, você deve correlacionar com a cobrança. A vários lhes ausência um dente de elefante que perderam na universidade. P. Em que consiste o marketing de guerrilha? R. É, basicamente, fazer marketing sem gastar dinheiro. P. você Acha que as pequenas e médias corporações espanholas são capazes de realizar esse tipo de ações por si mesmas? R. Sem sombra de dúvida, é a primeira coisa que deveriam fazer. Quando um projeto nasce na internet, se você começar a pagar toda a publicidade tem um problema, você precisa de uma base de tráfego que não paga.

Isso gera algo com o que fazer testes e essa pequena quantidade recorrente de receitas, o que lhe permite investir em publicidade. P. Por que você acha que os Estados unidos ainda é o espaço onde tudo começa no universo digital? R. Por um lado, eles são 300 milhões e 40 nós, entretanto no momento em que eu falo que o mercado me refiro mais ao mercado de língua inglesa.

Há muitos sites que dizemos que são americanos, quando na realidade são índios, do Paquistão, do Brasil (e escrevem em inglês) e de muitos outros lugares. Também, as organizações são muito mais potentes do que as nossas, são mais criativos, têm programas de criação muito mais fortes e se incentiva bem mais a descoberta de alguma coisa novo.

Se nos EUA, numa organização que se dedique ao universo da internet, fora uma estratégia rentável, você ganha vinte 000 euros, o que incentiva a escoltar em busca de algumas idéias. Assim se desenvolve a fome dos empregados. P. o que Continua a haver espaço para empreender na web? R. Claro que sim.

  • Tenha uma visão
  • De instante, o ‘streaming’ de jogos de filme do Google é compatível só com dispositivos Pixel
  • 3 Setor terciário
  • cinco Datas de lançamento
  • 1, 2, 3… que as vendas se acompanhando
  • nove teste TESTE: problema de gravação
  • 7 frases que todo lutador na existência tem de ter muito presentes
  • 1 Primeiros habitantes

Quando parecia que estava tudo dito no mundo das citações pela internet e as páginas de contatos (com portais como o Meetic ou Ashley Madison), chegou Tinder e 8 meses faturou 150 milhões de euros. Quando parecia que estava tudo dito no mundo dos classificados (com páginas como Segundamano ou Mundoanuncio), chegou Milanuncios e, com uma pequena modificação pra que os anúncios se renovem, se comeu todo o mercado. Quando parecia que estava tudo dito no mundo das redes sociais MySpace, lançado nada mais e nada menos do que na Microsoft, chegou Facebook e o estourar tudo. Estamos no mesmo ponto que há dez anos, com tudo por fazer. Que tenha nascido todo o que é nascido apenas quer dizer que ainda irão aparecer muitas coisas algumas.

No dia 24 de novembro, Gaga apareceu no American Music Awards, representando a Marilyn Monroe próximo R. Kelly, que interpretou o presidente dos EUA. Ambos induziram “Do What U Want” e fizeram uma exibição dos acontecimentos que antecederam a morte da atriz. O espetáculo descreveu com críticas favoráveis por divisão da imprensa norte-americana, que catalogam como um dos melhores momentos da noite.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima