Peru Desenvolveu Seus Dois Primeiros Satélites 2

Peru Desenvolveu Seus Dois Primeiros Satélites

Um satélite artificial é um engenho enviado numa espaçonave que se mantém em órbita em volta de corpos do espaço. Os satélites artificiais em órbita cerca de luas, asteróides ou planetas. Após a tua vida útil, são capazes de permanecer orbitando como lixo espacial, ou podem desintegrar-reingressando pela atmosfera (coisa que só acontece se a sua órbita é de pouca altura).

A idéia reaparece Os quinhentos milhões da Begún (1879), de Julio Verne. Neste livro, todavia, trata-se de um repercussão inintencionado do vilão, ao fazer uma peça de artilharia gigante para derrubar seus oponentes. Este lhe imprime ao projétil uma velocidade superior à pretendida, o que o deixa em órbita um satélite artificial.

Em 1903, o russo Konstantin Tsiolkovsky publicou A exploração do espaço cósmico por meio dos mecanismos de reação, que é o primeiro tratado acadêmico a respeito do uso de foguetes pra lançar naves espaciais. Tsiolkovsky calculou que a velocidade orbital necessárias para uma órbita mínima ao redor da Terra é de, mais um menos, 8 km/s e que tem de um foguete de múltiplos estágios que usasse de oxigênio líquido e hidrogênio líquido como combustível.

Em 1928, Herman Potočnik publicou o seu único livro, Das Problem der Befahrung des Weltraums – der Raketen-motor (A dificuldade da viagem espacial – o motor-foguete), um plano pra progredir para o espaço e preservar a presença humana permanente. Potočnik projetou uma estação espacial, e calculou a órbita geoestacionária. Também mostrou o uso de naves orbitais pra observações pacíficos e militares e como se podem usar as condições do espaço pra realizar experimentos científicos. O livro descrevia satélites geoestacionários, e analisou a comunicação entre eles e a terra, utilizando o rádio, no entanto não era a idéia de usá-los para intercomunicação em massa, como estações de telecomunicações.

Em 1945, o escritor britânico de ficção científica Arthur C. Clarke, concebeu a possibilidade de usar uma série de satélites de comunicações no seu postagem Wireless World, “Extra-terrestrial relays”. Clarke examinou-a logística de um lançamento de satélite, as possíveis órbitas e outros aspectos pra formação de uma rede de satélites, apontando os benefícios da intercomunicação global de alta velocidade.

Também recomendou que 3 satélites geoestacionários proporcionariam a cobertura completa do planeta, podendo ser substituídos quando esgotarem a tua vida vantajoso. Os satélites artificiais nasceram no decorrer da luta fria entre os Estados unidos e A União Soviética, que ambos tencionavam dominar o espaço. A era espacial começou em 1946, no momento em que os cientistas começaram a usar os foguetes capturados V-dois alemães pra fazer medições da atmosfera. Antes deste momento, os cientistas usaram balões que chegavam aos trinta km de altitude e ondas de rádio pra estudar a ionosfera.

  • Quando virás
  • 1975: Amor livre
  • o candor de super-homem e os birras de Filemom
  • 2014-presente: Novo álbum e retorno musical[editar]
  • você Acredita em afeto à primeira vista ou tenho que ingerir-lhe a boca
  • 00 o Seu filme
  • você Me conquistou para todo o sempre, e por mais que me reencarnase não saldrías de minha mente
  • Não há que deixar de brigar por nada

a partir de 1946 a 1952, que utilizou os foguetes V-dois e Aerobee pra investigação da parte superior da atmosfera, o que permite realizar medições de pressão, densidade e temperatura até uma altitude de 200 km Estados unidos tinha pensado em lançar satélites orbitais a começar por 1945, perante o Censo de Aeronáutica da Marinha.

O Projeto RAND da Força Aérea apresentou o teu relatório, porém não se acreditava que o satélite fosse uma potencial arma militar, entretanto sim uma ferramenta científica, política e de propaganda. Em 1954, o Secretário de Defesa considerou: “Não conheço nenhum programa norte-americano de satélites”. Em vinte e nove de julho de 1955, a Casa Branca divulgou que os Estados unidos tentariam lançar satélites através da primavera de 1958. Isto se tornou o Projeto Vanguard.

Este programa foi seguido por outros realizações russos, como os programas Sputnik 2 e 3. Cabe notar que, no Sputnik 2, a URSS conseguiu colocar em órbita o primeiro animal na história, a cadela chamada Laika. Com o Sputnik, na União Soviética, causou uma extenso insegurança nos EUA, devido ao temor de que os soviéticos tenham mísseis de grande alcance, uma vez que tinham a capacidade de lançamentos orbitais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima